segunda-feira, 28 de abril de 2014

Família 1

Unidade básica da sociedade formada por indivíduos com ancestrais em comum ou ligados por laços afetivos. Unida por múltiplos laços capazes de manter os membros moralmente, materialmente e reciprocamente durante uma vida e durante as gerações. No interior dela, os indivíduos podem construir subsistemas... Diferentes níveis de poder, e onde os comportamentos de um membro afetam e influenciam os outros membros.
Analisemos 3 tipos de organizadores:
1. Escolha do objeto (assimétrica). Domina a angústia das perdas parentais. Cada indivíduo idealiza o outro. Prazer sadomasoquista. 
2. Vivências do "eu familiar" é sentimentos de pertença (simétrica). Escolha narcisista. Ao que se é; ao que se foi; ao que gostaria de ser. VÍNCULO: Idéia de > poder > onipotência > ambição. 
3. Romance familiar vivido na primeira infância, representando imagem idealizada dos pais (dissimétrica, edípica)

Breve reflexão:
O que pretendo aqui não é sugerir, ou fugir de conceitos temáticos e substanciais. Pretendo analisar a estrutura da composição de indivíduos unidos por alguma semelhança, que compactuem de uma mesmo objeto. Aqui, falamos de estrutura, não de objeto. 

Ver também: FAMÍLIAS ARCO-ÍRIS


Nenhum comentário:

Postar um comentário